Ads Top

A origem da orientação a objetos

A origem da orientação a objetos

A origem da orientação a objetos
A origem da orientação a objetos
A POO (Programação Orientada a Objetos) o seu objetivo e aproximar o mundo digital do mundo real, atualmente os programadores tem uma curva de aprendizado positiva acentuada, a programação da década de 40 era feita em baixo nível todas as instruções eram dadas de acordo com o sistema operacional do computador, tornando mais difícil a construção, ficando neste período a construção pelos engenheiros tinham que programar para cada sistema de forma individual, depois veio a programação linear que são conjuntos de instruções de cima pra baixo já compreensível aos programadores porém com muitas limitações.
No decorrer veio a programação estruturada, onde deixou-se a linearidade para criação de pequenos blocos lógicos de instruções lineares organizados fora da ordem normal de para se alcançar o objetivo neste ponto surgiu os sistemas. Com o passar do tempo as linguagens e sistemas cresceram tanto que começou a ter falhas então a programação estruturada necessitou evoluir da criação de uma metodologia mais adequada as necessidades, dando surgimento a programação modular, que é o conjunto de pequenos módulos ou funcionalidades onde são agregados, para poderem compor sistemas maiores, porém teve uma breve vida útil, logo foi subistítuida pelo POO  a ordem cronológica foi:

PROGRAMAÇÃO DE BAIXO NÍVEL > PROGRAMAÇÃO LINEAR> PROGRAMAÇÃO ESTRUTURADA>PROGRAMAÇÃO MODULAR>PROGRAMAÇÃO ORIENTADA A OBJETO

O criador da programação orientada a objetos foi ALAN KAY, sendo a primeira linguagem de programação orientada a objetos o Smalltalk, por Alan kay e uma equipe de colaboradores na empresa Xerox

A programação era

Feita por grandes blocos de dados globais sendo estes formados por procedimentos,que vão processar estes blocos de dados e fazer uso destes dados podendo ou não serem feitos os uso destes blocos de dados atualmente em POO, os blocos de dados são divididos em pequenos segmentos, objetos ou dados de objetos onde serão acessados os dados dos objetos pelos métodos,  as linguagens compatíveis com POO C++, Java, PHP, Python, Ryby,Visual Basic

Vantagens

Confiabilidade
Pois o isolamento entre as partes gera software seguro. onde se alteramos uma parte, nenhuma outra é afetada.
Oportunidade
Na divisão das partes , as mesmas podem ser dividas paralelamente.
Manutenível
Atualizar o software torna-se mais fácil, pois qualquer modificação vai  beneficiar todas as partes que usarem este objeto atualizado
Extensível
O software não pode ser estático. pois ele deve crescer para continuar a ser útil
Reutilizável
É a reutilização de um código em algo semelhante com pequenas modificações
Natural
Facilidade em entender onde a preocupação fica mais funcional do que nos detalhes da implementação

O que é um objeto

 A melhor definição de um objeto, como por exemplo um  carro celular, relógio ou um pensamento propriamente dito objeto é tudo que seja tangível ou intangível, algo material propriamente dito ou abstrata como um pensamento, uma ideia, sendo percebida pelos sentidos e descrita por meio das suas características, comportamentos, ou estado em que se encontra o modelo seria um modelo ao qual se faz o objeto, sendo este modelo uma classe em programação dentro de uma classe encontramos o atributos, métodos e o estado. O instânciamento é a geração do objeto a partir da classe criada.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.